Décadas de 1850 a atualidade

Veja agora
Devido à revolução industrial, as coisas tornaram-se produzidas em massa e
mais baratas de comprar. Isso inclui agulhas de crochê. Também faz com que
as mulheres de classe média e alta tenham mais tempo livre. O crochê se tornou
um hobby popular. Em 1867 – Fundada a popular revista de moda Harper’s
Bazaar, que ainda funciona até hoje.
1910–1920 – Devido ao período eduardiano no Reino Unido, a moda mudou e
tornou-se mais detalhada. Estilos populares de roupas de crochê e livros de
padrões mudam para refletir isso.
As Guerras Mundiais – Os governos incentivam as mulheres a contribuir para o
esforço de guerra e a fazer crochê para as tropas e soldados necessitados no
front doméstico.
Após a Segunda Guerra Mundial – Com o fim das restrições aos têxteis, o crochê
é redescoberto como hobby. Tornou-se mais popular, assim como outras artes
de fibra.
Os anos 1960 e 1970 – Os itens de crochê tornaram-se moda devido ao hippie
e outras subculturas alternativas.
1994 – Gwen Blakley Kinsler fundou a The Crochê Guild of America. Ela teve
como objetivo incentivar as pessoas a descobrir o passatempo agradável de
fazer um item de crochê.
2007 – É criado o Ravelry, fórum de artes de tricô, crochê e fibra. As pessoas
publicam desenhos de crochê lá.
Atual – O crochê e as redes sociais se fundem, tornando-se famoso entre os
norte-americanos e provocando a criação de blogs e comunidades de crochê.

Leave a Reply

Your email address will not be published.